Turismo de ônibus

Viajar para um lugar novo é sempre uma experiência gratificante, não importa a maneira. Descobrir as coisas por si só, andando, tirando fotos, se virando com todo e qualquer desafio pode ser uma excelente maneira de conhecer lugares novos, mas um viajante acostumado a grandes aventuras não tem o direito de criticar aqueles que gostam de um pouco mais de conforto.

Hoje vim falar de excursões de ônibus, que é uma maneira confortável em vários sentidos de se explorar lugares novos. Eu mesma já fiz esse tipo de viagem e recomendo. Mas claro, essas coisas dependem bastante das expectativas do viajante e do que ele está disposto a conhecer e quanto ele pode gastar.

Primeiramente, nem todo viajante é mochileiro, e em vários fóruns pela internet, só vejo críticas negativas aos tours de ônibus,  já que muitos pensam que não vale a pena pelo dinheiro, tempo de visita nos lugares, e muitos criticam a comodidade de uma viagem com horários certos.

Ora, as pessoas sabem o que é melhor para elas. Na nossa primeira vez na Europa, decidimos contratar uma excursão por vários fatores, como a presença da minha priminha que era bebê, e do meu avô que é idoso. E garanto que foi uma viagem muito boa! Foram 20 dias maravilhosos com a minha família junto a paisagens fantásticas, e cada centavo gasto foi de fato bem aproveitado.

Existem algumas vantagens ao contratar uma excursão como:

  • Já deixar transporte e acomodação certos.
  • Ter o apoio de pessoas especializadas em turismo, orientando em diversas dicas de transporte, alimentação e em economizar dinheiro.
  • Não enfrentar filas para comprar ingressos de atrações turísticas.
  • Não se preocupar com passagens de transporte internas.
  • Conhecer pessoas de vários países de qualquer maneira.

É necessário saber que existem algumas condições para se saber no momento de contratar uma excursão de ônibus, e vou listar algumas delas aqui:

  • Os horários das visitas são cronometradas, o que não abre muita possibilidade de se explorar novos lugares.
  • Você pode pegar guias bons e ruins. Assim como alguns explicarão vários detalhes sobre a história e curiosidades, outros se atentarão ao estilo arquitetônico dos prédios, ao tipo de tinta usada nas pinturas e coisas assim.
  • Os hotéis conveniados à maioria das agências de viagem ficam longe do centro. Caso haja algum tempo livre, é bom saber como funciona o transporte público pela região.
  • Caso você perca a hora da partida do ônibus, você pode ser deixado para trás.
  • Um guia de bolso do destino é uma boa pedida. Também é bom ficar atento às dicas e recomendações aqui na internet. Vai que sobra um tempo, e é sempre bom ter uma ideia do que fazer.
  • Você vai conhecer várias pessoas. Manter a amizade é sempre bom. :)

Não me arrependo nem um pouco dessa viagem e de outros tours de ônibus que eu fiz. Essas viagens foram ótimas maneiras de se conhecer lugares novos sem abrir mão da informação e do conforto. Claro que já fiz outras viagens bem mais hardcores, sem dinheiro, dormindo em estação de trem, comendo o mínimo necessário e por aí vai.

Toda experiência nova é impactante e boa. É bom sempre considerar os prós e contras e verificar qual o tipo de experiência pretendida. Já planejando minha próxima viagem!

Anúncios