Os campos elíseos

As principais cidades do mundo sempre possuem AQUELA avenida (ou avenidas, por que né?) cheia de entretenimento como lojas, restaurantes, teatros, cafés e outras atrações turísticas em geral. Em Paris existem várias avenidas cheias de possibilidades de vermos nosso dinheiro criando asinhas, mas com certeza a Avenue des Champs Élysées se sobressai, sendo também um dos marcos de Paris, junto com a Tour Eiffel, o Louvre, Notre Dame, os Inválidos e mais.

(fica a dica que eu estou devendo fotos neste e em outros posts!! Depois eu anexo por aqui.)

Localização: A Avenue des Champs Élysées se localiza entre a Praça da Concórdia (aquela com o Obelisco de Luxor) e o Arco do Triunfo, outras duas atrações obrigatórias de se conhecer em uma viagem a Paris.

Como chegar? Existem diversas linhas de metrô que chegam ali. Foca nas estações Charles de Gaulle – Étoile (Linhas 1, 2 e 6 do metrô e RER A), Champs Élysées – Clemenceau (linhas 1 e 6 do metrô), na Franklin D. Roosevelt (Linhas 1 e 9 do metrô) e na Concorde (linhas 1, 8 e 12 do metrô).

Comer onde? Ali existem vários bistrôs na calçada com toldos vermelhinhos (sim, estou romântica hoje), super parisiense e dependendo onde você vá os preços não são tão salgados assim. Pratos por menos de 15 euros são disponíveis em vários lugares. Caso não tenha muito dinheiro ou tempo para esperar disponível, tem um Mc Donald’s e um Quick ali (mas em última instância, você está em Paris!).

Mas enfim, quais são as melhores lojas para gastar ali?!

Lembro de cara da tradicionalíssima e francesa Louis Vuitton. A loja dali é uma das maiores do mundo e se não me engano, ali foi a primeira loja a ser aberta. Ali as bolsas não são muito baratas, mas super vale a pena gastar por uma.

Ladurée é uma doceria maravilhosa, especialmente conhecida pelos seus Macarons maravilhosos (sdds). Recomendo os sabores de Chocolate Ganache, Coco, Baunilha e Morango. Deu pra ver que sou tradicional, certo? Eles oferecem muitos outros sabores que não consigo lembrar. Foco pro sabor de pétala de rosa. Não gostei nada.

Tive um glimpse agora da Disney Store, próximo à estação Franklin D. Roosevelt. Tá que existem várias Disney Stores por cidades europeias, mas toda vez que vou à Paris, eu TENHO que passar lá. Fica a dica.

Zara principal da França se encontra lá também. Ainda não sei qual é a magia da Zara da Europa, mas acho as roupas vendidas lá muito mais bonitas que as dos Estados Unidos e daqui do Brasil (não acho nada bonito à venda aqui em MAO). Vale a pena entrar lá e conferir.

Outra loja de varejo assim é a H&M, e apesar dela ser meio popular, eu gosto bastante das roupas de lá! São de boa qualidade e preços acessíveis, dando a oportunidade de encher a mala na volta pra casa!

Depois que conheci melhor a Sephora, só quero comprar minhas maquiagens lá. E quando eu digo lá, eu quero dizer Europa, com letras maiúsculas. Não faz sentido gastar 500 reais em lojas daqui em uma paleta de maquiagem que custa 29 euros lá.

Acho que qualquer mulher fica feliz com cristais Swarovski. Uma loja também se encontra na Avenida.

Para finalizar, na minha opinião outra loja também imperdível em Champs Élysées é a Virgin Store. Eu sou uma apaixonada por livros de diversos temas e ali a parte da livraria é bem completa! Me lembro que uma vez em Paris, o Babar, aquele elefantinho fofo (sdds infância) estava completando 80 anos, e a Virgin Store estava vendendo alguns livrinhos com as histórias do Babar. O preço era bem salgado no entanto.

É possível ir do leste ao oeste da Avenida tranquilamente, e em uma distância relativamente pequena, é possível ir a pé para o Louvre, a Ópera Garnier, as Galerias Lafayette e outros lugares de Paris. Mas com tantas conexões de metrô, é possível ir até a Torre Eiffel e aos Inválidos (que ficam mais longe dali) bem rápido. Desculpas não faltam para conhecer os Champs Élysées.

Anúncios