Momento depressão: quero voltar pra Rússia!

Então, faz alguns dias que eu me encontro meio pensativa e sentindo muita nostalgia! Geralmente eu sou assim por natureza, mas a TPM combinada a algumas mensagens de amigos no whatsapp fizeram com que essa vontade de voltar pra Rússia fique mais forte!

Mas por que raios eu quero voltar pra Rússia?! Três pequenas razões:

  • A minha passagem por lá me ensinou muito. Desde como agir com as pessoas até formar a minha própria independência.
  • Eu me sinto sincronizada com a personalidade e o modo de vida do povo russo.
  • A Rússia é um lugar com história e cultura extremamente ricas.

Estou determinada a voltar pra lá logo, e se possível ainda esse ano. Estou me programando para viajar em Setembro, e vamos ver se consigo colocar a Rússia nesse itinerário!

Mas o que eu vim compartilhar agora não é um choro de saudades, e sim algumas sensações sentidas em solo russo. Assim que eu voltei pra casa, eu fiz uma relação de diversas coisas que, enfim… Na Rússia eu…

…vi o céu mais estrelado da minha vida.

…aprendi a tomar chá para agradar os outros.

…entendi o que significa “necessidade”, e tive que passar por ela.

…coloquei a expressão “te desafia” em primeiro plano.

…me coloquei na pele de terceiros e entendi os seus motivos para a tomada de decisões.

…senti saudades do Brasil depois de assistir um comercial com imagens do Rio de Janeiro.

…descobri que é possível viver feliz sem ter muito.

…senti na pele o quanto é difícil patinar no gelo.

…e também descobri que a neve e o frio nem são tão traiçoeiros assim.

…vi um comício do Partido Comunista e me senti de volta a 1917.

…comparei o Rio Volga ao Negro e acabei nem me sentindo tão longe de casa assim.

…percebi o quanto a minha região é rica após ver todas aquelas árvores mortas e cheias de neve.

…me senti que nem uma formiguinha no metrô de Moscou.

…fiquei rodeada de 90000 pessoas num jogo de futebol. Não, eu nunca havia ido a um jogo assim.

…senti calor quando a temperatura subiu para -9 graus.

…descobri que pessoas podem ter carinho por você por apenas muito pouco.

…me inspirei para colocar meus sonhos no papel.

…descobri que é possível sim subir na vida.

…coloquei meu corpo ao limite, em todas as situações.

…senti o cheiro da madeira pura quando comprei minha Matrioshka.

…vi as pessoas lutando pelos seus direitos, lutando contra a opressão e tirania.

…descobri um povo maravilhoso que se esconde por debaixo de uma carapuça dura.

…fui confundida com russa várias vezes.

…comecei a usar a maquiagem com mais frequência. Russas usam muita maquiagem!

…jantei num dos melhores restaurantes de Moscou e não paguei muito caro (milagre!).

…descobri que o jeitinho brasileiro é capenga perto do jeitão russo.

…entendi o significado de orgulho.

…aprendi a cozinhar umas comidas maravilhosas.

…ganhei uma segunda família.

…senti muitas saudades.

…aguentei firme todas as adversidades.

…e me apaixonei pelo país!

…conheci pessoas que não tinham sonhos…

…e que após ver uma pessoa que veio de tão longe somente para dar uma nova perspectiva de vida pra eles os fizeram… ter sonhos!

Anúncios